A maioria das mães tem dúvida em relação à introdução alimentar do bebê após o aleitamento exclusivo (Amamentação). O primeiro conselho que dou nesse caso é para nunca usar fórmulas lácteas.

Explico: a flora bacteriana protetora do intestino humano só está completa aos dois anos de idade – isso nos bebês que nasceram de parto vaginal e foram amamentados.

Nos bebês que vieram ao mundo por meio de parto cesárea, e não foram amamentados exclusivamente no peito materno por seis meses, esse processo de formação da flora bacteriana ocorre muito tempo depois.

TFGP.

Por isso, introduzir as proteínas do leite de vaca, macromoléculas, num intestino ainda em formação é o maior crime que se pode cometer para a saúde de uma criança.

O resultado da adoção precoce dessa medida pode resultar em problemas como: quadros alérgicos exacerbados, infecções de vias aéreas de repetição, ansiedade, hiperatividade e distúrbios de concentração, doenças autoimunes e outros.